O mito entre misturar as contas pessoais e da empresa

Finanças não é um assunto dos mais conhecidos pelas pessoas. Até comerciantes experientes, em alguns casos, não lidam bem com Finanças e Custos. Para piorar, um monte de mitos se forma, inclusive, alguns, transformam trabalhos executados por profissionais sérios, em meras pílulas receitadas por falsos doutores das finanças, e que alguns empresários as tomam sem se dar conta. O mais terrível é, quando esse placebo se difunde gera resultados ineficientes.

O mito de que as finanças da casa não devem se misturar com as finanças da empresa é um desses que acreditamos sem questionar. Ora, na enorme maioria dos casos, o negócio é a principal fonte de renda da casa, sendo a casa, só mais uma unidade de custos do negócio que, como qualquer outro, precisa ser gerida de acordo. E, em sendo a casa o destino final do fluxo que vem da empresa (ainda que se deva reter o que este precisar) na forma de dividendos e aumento de patrimônio, quem disse que, na prática, a casa se dissocia do negócio?

O que não se deve, sendo a casa uma unidade de custos, é ter despesas fora do orçamento, e nem ser gerida sem controle. Bem como a empresa, que também não deve ser gerida sem controle e sem limites orçamentários. Se precisar gastar mais, deve ter antes, resultados (lucro) maiores. E a fonte de recursos mais barata para a empresa é a retenção de lucros. Assim, evitar direcionar os resultados para a casa e sim para o negócio, multiplica as chances de retornar cada vez mais para a casa. É o sacrifício que ela faz em prol dela mesma no futuro.

A casa, sendo suprida pelo negócio, precisa também entender e medir até que ponto o risco potencial corrido (processos judiciais, prejuízos e outros) é compensado pelo resultado que o negócio traz. Senão, é melhor mudar antes que o dano deixe de ser potencial e passe a ser objetivo.

No fim, tudo se resume a: controle do orçamento e avaliação dos resultados. Se o negócio entrega resultado suficiente sobre o risco incorrido e a casa cuida bem do seu orçamento, então pode misturar as contas sim. Aliás, organizar.

Publicidade

  • Apoitur Viagens e Turismo

  • Sesc

  • Senac

  • Web3sites